O
 Material 

Requisitos
 
Planejamento

 (MRP)
em inglês o Planificação de Requirements de Materialé um sistema que ajuda
 planejar os materiais necessários 

necessário 

e para gerir as acções
 seguindo as necessidades de de a empresa (de acordo com a procura do mercado)Em outras palavras, este sistema guia você em
 quando a empresa precisa de mais matéria-prima
, e quanto. 

É uma forma de planor a processo de produção e controle de estoque para que a empresa se torne
 tão eficiente quanto possível. 
O objetivo do MRP é saber quando ter uma certa quantidade de materiais no momento exato para  produto. 

Qual é o papel do MRP? 

O MRP utiliza os resultados do processo de planejamento (em termos de materiais e estoques) e, com esses dados, emite pedidos para compras. Tudo isso serve para melhorar os erros de aquisição e controlar o processo de produção. 

Quase todos os sistemas MRP são geridos através de um software 
software
embora também possa ser feito manualmente. 

Quais são os objectivos do MRP? 

Qualquer empresa procura entregar para seu clientes um produto acabado dentro do prazo acordado. Para que isto corra bem, é muito importante planejar e otimizar o trabalho.  na medida do possível. É para isso que serve o MRP. Os principais objetivos da utilização de um MRP são: 


  1. Tenha todos os produtos disponíveis nos momentos em que são necessários. 
    Em outras palavras, certifique-se de que materiais estão disponíveis no momento da produção.

     

    Desta forma, o processo irá decorrer sem problemas e os prazos de entrega serão perfeitamente cumpridos.  

 


  1. Manter 

    os níveis de

     estoque 
    (tanto material como produtos acabados).  

 


  1. Melhorar e otimizar o planejamento de fabricação, materiais e compras da empresa. 
    que a empresa tem de fazer.
     
    O MRP planeja a produção, as compras e os prazos de entrega. 

O que é que um MRP tem em conta tem em conta para calcular quanto material é necessário? 

  • O produto a ser fabricado 
  • O material necessário para os processos de fabricação 
  • O estoque atual 
  • Ordens de compra e venda  
  • Ordens de produção (para saber quanto material será consumido) 
  • Datas de entrega  

Além disso, o MPR irá gerar um 
Plano Diretor de Produção
que indica quantos produtos devem ser fabricados e quando devem ser feitos, a fim de atingir o prazo estipulado. Este plano dá uma recomendação sobre materiais: quanto material a ter (Pedidos de Compra Sugeridos (SPO)), quanto a fazer (SOP), quanto a fazer (SOP), quanto a fazer (SOP), quanto a fazer (SOP), quanto a fazer (SOP) e quanto a fazer (SOP). Produção (FSO)) e quanto material tem de ser encomendado aos fornecedores (Encomendas a Fornecedores Externos (ESO)). 

Graças a esta informação, 
qualquer empresa será capaz de antecipar as suas necessidades
 e obter o estoque exato. 

Benefícios do MRP nos processos de fabricação 

Poupanças: Graças às informações fornecidas, não haverá estoque desnecessário. Ou seja, só serão comprados e produzidosou apenas.  


Produtividade:
 Ao criar uma maior eficiência do processo, não haverá desperdício de matérias-primas e um melhor controle de estoque. 


Agilidade: 
Se você planejar e comprar o que vai precisar com o tempo certo, você não terá que esperar a chegada do material, reduzindo assim o tempo de fabricação. 

Todas as empresas que decidam incorporar MRP em suas operações ver um
 retorno do investimento 

bastante positivo 
(ambos em poupança, tão bem como eficiência e imagem). 

 

Na Cedesa temos uma grande variedade de serviços para ajudar as empresas na sua gestão, além disso, também oferecemos software personalizado, onde criamos soluções à medida para as empresas.

QUERES SABER MAIS?
Voltar